LIVRO FÍSICO OU DIGITAL?

Oi, gente!! Trago hoje pra vocês um assunto que ainda rende muitas discussões. A questão é que existe um tipo de guerra travada entre leitores e afins em relação ao uso e valorização dos livros físicos em oposição aos livros digitais. E aí, qual o melhor, o livro físico ou o livro digital? Quais são as suas vantagens e desvantagens? Você precisa tomar partido? Será que realmente existe o melhor?

Bem sabemos que com o advento da tecnologia, muita coisa mudou na vida das pessoas. Ela têm proporcionado comodidade e conforto, além de ampliar o contato entre muitas pessoas de um local ao outro do planeta. Dentro das inovações tecnológicas que surgiram temos os livros digitais, mais conhecidos por e-books, contudo, desde de que eles começaram a ganhar espaço nas estantes virtuais dos leitores, vem sendo levantados alguns questionamentos: eles vão tomar o lugar do livro físico? Eles são melhores ou piores? Devemos lembrar, que tudo que o homem tem experimentado dentro das mídias tem um lado positivo e negativo.

Para aqueles que preferem os e-books, terão a praticidade de conduzi-los a qualquer lugar, eles pesam menos e não ocupam tanto espaço (centenas de livros na palma de sua mão, isso não é o máximo? *-*). Para adquiri-los, apenas darão um click, e estarão lá nas suas estantes virtuais, sem ter que esperar ansiosamente sua chegada pelo correio. Outro ponto positivo é o fato de que em alguns sites poderão ser baixados gratuitamente. Proporcionam uma leitura rápida e com um dispositivo de busca sobre a algum trecho que queira consultar, além de, possuírem um menor custo.

Agora, já pensando nas desvantagens do livro digital, se você estiver lendo seu e-book e o aparelho descarregar, sua leitura será interrompida. Existe também uma falsa ideia sobre o fato de não termos que derrubar árvores para que eles existam, porém, o processo de produção de cada e-reader, gasta uma quantidade de água, minerais, energias não renováveis e claro, eletricidade para abastecer a bateria. Devemos atentar que a produção do papel é muito grave, uma vez que acelera o processo de desmatamento, mas as árvores, ao contrário do petróleo, são renováveis. Outro ponto negativo para o uso de livros digitais é os mesmo são sujeitos a direitos autorais, desta forma, eles não podem ser trocados como livros impressos, por isso devem ser examinados antes da compra.

Quanto ao livro físico, o contato, poder tocar, sentir o cheiro, proporciona a muitas pessoas uma sensação prazerosa. Passar as páginas, numa simbologia de passar os tempos das personagens, faz se sentir envolvido na estória. Marcar, dobrar as folhas, torna a experiencia mais real. Alguns estudiosos dizem que a compreensão dos leitores é mais precisa quando leem um livro físico. Para colecionadores a beleza de uma estante cheia de livros é indescritível, eles não são mais um artigo da internet que lemos rapidamente e desaparece com o tempo, com eles criamos recordações.

No tocante as desvantagens do livro físico, se você vai viajar transportando malas com livros, vai ficar mais difícil, se está pensando em ir a livraria comprar o último lançamento, ele vai custar mais caro que o livro digital, além de que, os que vem em box, são muito pesados para serem movidos de lugar, vão exigir prateleiras para serem armazenados e protegidos. Com o tempo perderão a tinta e irão ficar amarelados.

Nessa batalha intensa entre livro físico e digital, é necessário entender, que cada um nos propicia suas vantagens e desvantagens e diferentes experiências. Avalie sua escolha (ou nem escolha rsrsrs), qual vai se adequar melhor ao seu estilo de vida. Na sua preferência não haverá certo ou errado, mas o que te proporciona o prazer da leitura.

Mesmo que os livros físicos estejam sofrendo com o surgimento dos livros digitais, vão sempre apresentar um valor simbólico para os leitores apaixonados e o seu espaço no mercado. No entanto, o crescimento dos livros digitais é cada vez mais forte e impressionante, o que mostra que também vieram para ficar.

E você, qual sua opinião sobre o assunto?

livro-vs-tablet

Era um livro para se ficar vivendo com ele, comendo-o, dormindo-o.

              É com grande prazer que dou início à esse blog. Amante da leitura e apreciadora da grande mágica que os livros possuem, acredito que nos descobrimos um pouco mais a cada livro, história ou verso que lemos, pois ao nos tocar nunca mais seremos os mesmos!

            Aqui será uma espaço para juntos lermos, apreciarmos e compartilharmos nossos pensamentos a cerca da leitura e de todo o mundo que a envolve. Fique à vontade para dar sugestões, comentar e junte-se comigo nessa prazeroso momento. Postarei aqui durante todo o mês textos relacionados à um único livro (e não somente sobre isso rsrsrs), que será escolhido como nossa leitura do mês.

          Nosso primeiro livro será uma obra de Clarice Lispector, Felicidade Clandestina, um livro de contos e que juntos teremos a oportunidade de se deleitar. O título da postagem faz menção ao primeiro conto do mesmo, onde nos é apresentada uma jovem que ama ler e que os livros, para ela, seriam algo essencial e sinônimo de felicidade. Assim como ela, acredito que os livros devem ser tidos como nosso amigos, aqueles que nos complementam e completam.

No mais, boa leitura e até breve!!